Sem categoria

Projeto quer obrigar formados a ficar no MA por dois anos

Parece projeto de politico estilo Tiririca de Itapipoca:

Terminar a graduação poder não ser mais o fim da jornada dos alunos da
Universidade Estadual do Maranhão (Uema). Um projeto de lei que tramita na
Assembleia Legislativa pretende obrigar os alunos formados na instituição a
trabalhar no território maranhense por pelo menos dois anos.

A ideia, segundo o deputado Manoel Ribeiro (PTB-MA), é diminuir a evasão de
corpo técnico do Estado após a conclusão do ensino superior. Para ele, o
Maranhão precisa dos profissionais que vão embora para outras regiões do
País.

Com mais de 11,5 mil alunos em 21 campi, a Uema abriga um dos três cursos
de medicina existentes no Estado, entre outras graduações em ciências
exatas, humanas, tecnologicas e ciências sociais aplicadas. Segundo o autor
do projeto, 70% dos alunos provenientes de outros Estados formados pela
instituição deixam o Maranhão ao entrar no mercado de trabalho.

Fonte: http://noticias.terra.com.br/educacao/noticias/0,,OI5675910-EI8266,00.html (via timaster)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s